Twitter

QUAL A IMPORTÂNCIA DA IDADE NA SAÚDE REPRODUTIVA

A taxa de fertilidade diminui com a idade, especialmente nas mulheres. A fase de maior fertilidade para as mulheres é entre 15 e 24 anos. Estima-se que um terço das mulheres após os 35 anos terá dificuldades para engravidar.

Como a chance de engravidar diminui com a idade, mulheres com mais de 35 anos não devem esperar mais do que seis meses para procurar ajuda.

O oócito tende a apresentar alterações cromossômicas mais frequentemente com o avançar da idade, o quê traz como consequência maior número de abortos espontâneos; além da diminuição das taxas de implantação.

Além do efeito na qualidade do oócito, há também a influência negativa da idade na resposta ovariana à indução de ovulação o que leva a um menor número de oócitos captados. Considera-se baixa responsividade ovariana quando, após a estimulação, desenvolvem-se menos de 4 folículos ou os níveis estrogênicos se mostram baixos.

Também no homem a idade interfere com a fertilidade. O declínio nos níveis de testosterona e o aumento nas gonadotrofinas conduzem a uma diminuição na produção espermática com redução no número de espermatozóides normais.