Twitter

INFERTILIDADE

O QUE É

No dia-a-dia utilizamos o termo Infertilidade para todas as situações de dificuldade de engravidar e de ter um filho após um ano de tentativa.

Entretanto, nos idiomas de origem latina, Infertilidade é conceituada como incapacidade da mulher levar a gestação até o nascimento. Em outras palavras, a forma clínica mais comum de infertilidade é o abortamento habitual e a Esterilidade por sua vez é incapacidade de obter uma gestação após pelo menos um ano, com atividade sexual regular e sem uso de métodos contraceptivos.

Um casal que tenta engravidar possui uma chance de sucesso de aproximadamente 20% por ciclo menstrual, o quê pode tornar difícil que uma gravidez aconteça depois do primeiro ou até segundo mês de tentativa. Contudo, 80 % dos casais deveriam conceber em até 12 meses.

Um em cada 5 ou 6 casais vivencia a infertilidade, e a idade tem se tornado um fator importante, visto que muitos casais têm adiado casamentos e filhos por algum tempo.

É importante saber se a infertilidade é primária ou secundária, ou seja, se o casal já engravidou antes e o quê ocorreu após a última gravidez; visto que há grande diferença quando se trata de primeira gestação ou gestações subseqüentes, mostrando mais facilidade de concepção neste último grupo.

Estudos mostram que a chance adicional de engravidar diminui grandemente para os casais que estão tentando há mais de 3 anos e meio.

Com o passar do tempo, as frustrações podem aumentar, e o insucesso dos esforços do casal traz consequências debilitantes.